Implementação dos processos de KYC e KYT

Caros investidores,

O ano de 2019 foi marcado por movimentação mundial para intensificação de políticas contra lavagem de dinheiro, e as exchanges internacionais de criptomoedas adotaram as melhores práticas seguindo recomendações de órgãos como GAFI e ASIFMA. Os procedimentos de “conheça o seu cliente” (KYC) e “conheça sua transação” (KYT) são uma das medidas que assegura a idoneidade dos bitcoins depositados em uma plataforma.

Estamos em fase de adaptação da nossa plataforma Quantum para aplicarmos os procedimentos de KYC, KYT e AML (política contra lavagem de dinheiro). Nossos esforços estão na  implementação de processos de compliance com o intuito de nos adequarmos ao processo de transparência exigido internacionalmente a fim de combater fraudes, lavagem de dinheiro e outros riscos. 

Abaixo compartilhamos um detalhamento do passo a passo dessas implementações. Ressaltamos que as implementações não irão afetar nossos investidores ou o funcionamento da plataforma. 

 

KYC - Conhecendo o cliente

Conhecer o cliente em nossa plataforma Quantum inicia-se no processo de cadastro para abertura de uma nova conta. Esse cadastro é realizado através da coleta de um conjunto de informações requeridas e a criação de uma senha segura.

Neste processo realizamos duas validações de autenticação de veracidade, sendo:

  • Validação do número de celular informado, através de Token SMS.
  • Validação do e-mail de cadastro, através da confirmação de Token via e-mail.

Concluindo o cadastro e a confirmação das validações de veracidade o cliente deve realizar o cadastro da autenticação de duplo fator (2FA), o qual serão solicitadas todas as vezes em que acessar a plataforma e também para confirmar transações.

 

I. NOVA ETAPA DE KYC:

Com a implementação do novo processo de KYC, após o cadastro inicial, as funcionalidades da plataforma estarão disponíveis para visualização, todavia não estarão liberadas para uso inicialmente. Para realizar qualquer tipo de transação será necessário, antes de tudo, realizar o envio de seus dados, documentos pessoais e uma prova de vida.

Esse processo será necessário para qualquer função transacional da plataforma:

  • Depósito em BTC 
  • Depósito em R$ para compra de BTC
  • Saques de BTC
  • Transferência entre contas Quantum

 

II. COMO SERÁ ENVIADO AS DOCUMENTAÇÕES + PROVA DE VIDA?

A própria plataforma vai requerer que o cliente envie imagens de seus documentos e um vídeo curto como prova de vida. Essas informações serão recebidas, armazenadas e automaticamente enviadas sem qualquer interferência de um operador. Usaremos uma solução que, além de copiar documentos, irá efetuar o reconhecimento facial juntamente com a  validação de prova de vida.

Via OCR (Optical Character Recognition - Reconhecimento Óptico de Caracteres) o número do documento informado pelo usuário será coletado e utilizado para comparação com o número que foi informado inicialmente. 

Essas validações produzem um relatório automático que será acessado por um operador que, baseado nessas informações, efetuará a aprovação ou rejeição do cliente:

a) Se aprovado:

o cliente terá acesso às funcionalidades disponíveis (compra de BTC, depósito BTC, saque BTC). 

b) Se rejeitado:

o cliente será notificado de quais informações ou documentos deve informar novamente para que o processo seja verificado e finalizado. 

 

KYT - Conhecendo a transação

O procedimento de KYT será utilizado em 2 momentos dentro da plataforma:

I. DEPÓSITO CRIPTO

Quando o cliente receber um depósito de BTC em sua carteira, essa transação será primeiramente confirmada na blockchain. Após a confirmação o montante é recebido na Hot wallet e enviada para uma fila de validação.

A validação da fila será executada manualmente pela equipe Antifraude (futuramente essa etapa será automatizada na própria ferramenta), que submete o endereço utilizado pelo cliente em  uma ferramenta de acompanhamento de suspeitas de transações ilícitas na blockchain. 

Se tiver retorno positivo o depósito é efetuado, caso contrário será efetuado o estorno para o cliente.

Em caso de transações suspeitas são gerados relatórios para órgãos responsáveis. 

 

II. SAQUE CRIPTO

Quando o cliente fizer uma solicitação de saque, o endereço externo ao Atlas utilizado para a transação será validado manualmente (futuramente essa etapa será automatizada) na ferramenta citada.

Caso o endereço tenha retorno suspeito, não será permitido o saque e solicitaremos um novo para cadastro. 

Em caso de transações suspeitas são gerados relatórios para órgãos responsáveis.



Voltar para posts

A revolução financeira é para todos.
Cadastre-se no Quantum!

ABRIR MINHA CONTA